quinta-feira, 19 de julho de 2012

Fatos do dia ganham a sala de aula

Blog Jornal e Educação

Em São Leopoldo/RS, a Escola Municipal Maria Gusmão Britto está trabalhando o Jornal VS com quatro turmas do 5.º ano. Segundo a diretora Maria Helena Troquini, a escola participa desde o início da iniciativa e a cada edição séries diferentes são contempladas. "Quando sobram jornais aproveitamos em outras turmas." O método da escola não é focar o jornal em algum projeto específico, mas sim, a cada semana, fazer trabalhos diferentes, aproveitando notícias variadas.
Recentemente, um dos assuntos foi festas de São João. "Aproveitamos as matérias sobre as confraternizações de São João pela região para trabalhar o assunto em aula e também ajudar na nossa própria festa", contou a professora de geografia e portuguê, Marislaine Borba. Primeiro, os 25 alunos leram reportagens sobre o tema e cada um deles escreveu uma redação. Depois, eles tiveram que discutir o assunto. "A nossa preocupação é não trabalhar apenas a expressão escrita, mas a oral também, pois ela é tão importante quanto. A oralidade os obriga a raciocinar. Além disso, futuramente, serão mais críticos e formadores de opinião", ressaltou Marislaine.
O último trabalho foi artístico e os pequenos tiveram que produzir e desenhar bandeirinhas de São João. "Sempre buscamos ideias novas porque trabalhamos com o factual, com o que está acontecendo agora."

O importante é a informação
Para os alunos, estudar com o Jornal VS é diferente, divertido e foge das aulas comuns. "Acho que ajuda na nossa criatividade e é uma aula diferente das outras", contou Murilo de Moraes Pacheco, 10 anos. Já Otto Vicente Auth, 10, acha que ajuda no desenvolvimento. "Ajuda bastante o nosso cérebro." Gabriel Hanauer, 10, gosta de usar o jornal na aula porque aproveita para ficar informado. As opiniões são muitas, mas o importante, de acordo com a diretora Maria Helena Tronquini, é aproximar as crianças da informação, "com o programa, os estudantes ficam sabendo o que está acontecendo na cidade em que vivem, ficam informados também sobre as notícias do Estado, do País e do mundo."

Nenhum comentário:

Postar um comentário