segunda-feira, 2 de abril de 2012

Só para agradecer


Ayne Salviano
Folha da Região - 20/03/2012 (B6) 


O 1º Encontro sobre Mídia e Educação realizado pela Folha da Região por meio do Ler para Crescer na última quinta-feira, no Unitoledo, foi um sucesso, especialmente do ponto de vista pedagógico, que é nosso principal foco.

SATISFAÇÃO
Enquanto escrevo, a pesquisa de satisfação realizada pela Diretoria de Ensino da Região de Araçatuba está sendo tabulada, mas os comentários durante os intervalos e que se estenderam ao longo desses últimos dias nos telefonemas, nas redes sociais e nos encontros com outros educadores que não puderam participar, mas conversaram com colegas participantes, nos fazem acreditar que o uso dos jornais nas salas de aula - que pode se estender para todo e qualquer veículo de comunicação que propicie a leitura crítica do mundo - já é um caminho sem volta.


CARINHO ESPECIAL
Mas terei que retomar este assunto em outras oportunidades. O espaço de hoje está reservado só para agradecer. Primeiramente à Folha, que disponibilizou todos os recursos necessários para a vinda da palestrante Cristiane Parente. Como em todas as iniciativas do Ler para Crescer, dona Ana Eliza Assis Lemos Senche é a primeira incentivadora.

PESSOA ESPECIAL
Depois, é necessário que se registre o agradecimento a Cristiane Parente. Palestrante de nível internacional, ela não hesitou um segundo em aceitar o convite para falar aos educadores de Araçatuba e região, por quem ela não escondeu ter um carinho grande. Compartilhou muitas experiências enquanto esteve na cidade, disponibilizou todo seu material didático-pedagógico e ainda deixou em aberto seus canais diretos de comunicação. Competência e humildade contagiantes.

MESTRE ESPECIAL
Também é preciso fazer um agradecimento justo a Edilene Bachega Rodrigues de Viveiros, força motivadora junto aos professores da Diretoria de Ensino da Região de Araçatuba. Aliás, foi pelo entusiasmo desta profissional, que não encontra barreiras seja no trabalho intelectual ou nos afazeres administrativos e braçais que um evento deste porte necessitam, que o evento ganhou forças e deve permanecer nos próximos anos como um marco inicial dos nossos trabalhos. Ainda há muito a agradecer e devo fazer isso nas próximas colunas.



Nenhum comentário:

Postar um comentário