segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

Coluna Mídia e Educação: Internet é sempre ruim?


Por Ayne Salviano

Discursos superficiais que repetem o senso comum não se cansam de afirmar que o computador e a internet são os “bichos-papões” modernos que fazem mal às crianças.

ARGUMENTO
A ideia chega a ser simplista: muitas horas só batendo papo nas redes sociais ou vasculhando sites sem qualquer orientação (e muitas vezes sem censura) são atos prejudiciais à saúde mental e física dos
indivíduos, especialmente das crianças.



FERRAMENTA
Mas é claro que o computador e a internet não servem só para isso. Há “vida inteligente” no mundo virtual que, se bem aproveitado é, indiscutivelmente, ferramenta para o sucesso, principalmente para as novas gerações.

E-LEARNING
Um exemplo é o site e-learning for kids (www.e-learningforkids.org). Fundado no final de 2004, é uma entidade global, sem fins lucrativos, dedicada a um ensino lúdico e gratuito na internet para crianças de 5 a 12. Oferece cursos gratuitos de matemática, ciências, leitura e digitação, todos na forma de jogos que as crianças gostam. O site também mantém uma comunidade de pais e educadores para compartilhar inovações sobre a educação infantil no mundo inteiro. E que ninguém se preocupe, é possível acessá-lo em vários idiomas.

PERCEPÇÕES
Essas pessoas já entenderam que no mundo complexo de hoje, o futuro das crianças depende cada vez mais de sua habilidade de dominar os conhecimentos básicos, especialmente de leitura, ciências, matemática e informática. No entanto, há inúmeras questões que ainda impedem que as crianças tenham acesso a um ensino on-line de qualidade, que apoie e reforce essas habilidades essenciais.

FAMÍLIA
Desta forma, o e-learning for kids e outros sites similares podem ser coadjuvantes de ações positivas que unam o computador e a internet para o bem das crianças. Para isso, pais e responsáveis comprometidos com a educação também podem participar do processo. É possível ajudar este site de várias maneiras. Entre elas, conceber e desenvolver atividades de didática on-line, organizar e selecionar os recursos que possam servir de conteúdo educacional e sensibilizar a mídia, escolas e educadores para esta causa. Vamos?

Nenhum comentário:

Postar um comentário