terça-feira, 29 de novembro de 2011

‘Purcina’ faz jornal com alunos e melhora a leitura


Fornecer um leque de possibilidades e diferentes ferramentas para que crianças e jovens desenvolvam o gosto pela leitura. Este é o objetivo das professoras da sala de leitura da escola estadual Purcina Elisa de Oliveira, no bairro Juçara, em Araçatuba.

Com um grupo de 20 alunos que estudam da 7ª série do ensino fundamental até a 3ª série do ensino médio, elas estão lançando, neste final de novembro, 550 exemplares do “Purcina Informa”, veículo de comunicação que pretende manter o público da escola bem informado sobre assuntos da sala de aula, da escola e até da cidade, da região e do país.


A princípio, os alunos trabalharam em sala de aula com a professora de língua portuguesa Cristina Maria Especalquis. Ela abordou a importância social dos veículos de comunicação e ensinou as diferenças entre notícias, reportagens, artigos, crônicas e a importância da fotografia para o jornalismo.

Após essas aulas, os alunos participaram de reuniões na biblioteca. Nessas ocasiões, foram divididos em grupos de repórteres, fotógrafos, revisores, paginadores e até a equipe comercial, que ficou responsável pelos anúncios. O trabalho durou um mês. A proposta, que nasceu no ano passado, é que os alunos façam três edições por ano.

PRA MELHOR
O aluno Cayque Trevisan Flamarini, 16 anos, da 2ª série do ensino médio, é um dos responsáveis pelo “Purcina Informa”. Ele fez a diagramação da última edição e tem mostrado uma evolução de desempenho após o início do trabalho com o jornal. "Eu era um pouco tímido antes de trabalhar no jornal, não participava das atividades da escola. A escrita ajudou a diminuir a minha timidez e comecei a colocar tudo no papel. Pesquisei sobre a estrutura do jornal, sobre ortografia, procurei saber mais as regras de crase e pontuação", conta.

A melhoria do desempenho dos alunos participantes do “Purcina Informa” é atestada pela professora Ana Paula Simões Gervásio. “É mesmo possível notar a melhora dos alunos a partir do trabalho com jornal. Na biblioteca, por exemplo, o aumento no registro de empréstimos por parte desses alunos é considerável. Nós temos que parabenizá-los e dizer que acreditamos que a leitura pode mudar a vida deles", defende.

JORNAL E BLOG
Na capa do “Purcina Informa” há uma manchete e cinco chamadas. Nas páginas internas, os leitores encontram notícias sobre eventos da escola. Há uma entrevista do tipo perfil com um dos professores, mais poemas, piadas, horóscopo e frases para reflexão.

Notícias sobre esporte, sustentabilidade e oficinas culturais também têm destaque no informativo.
Como o jornal tem poucas edições anuais para o volume de trabalho e a vontade dos estudantes, eles sentiram a necessidade de criar o blog "Jornal Purcina Informa" (jornalpurcinainforma.blogspot.com). Trata-se de uma página na internet para divulgar mais opiniões, poemas e todos os eventos escolares.

A página é administrada pelos estudantes com frequência. "Eles entenderam a importância de estar em várias plataformas, não só no impresso. Há necessidade de integração no mundo virtual, que é onde eles mais ficam", relata a professora.

HISTÓRIA
O “Purcina Informa” existe desde novembro de 2010. Foi criado para estimular a leitura dos alunos. A escola conta com verba do governo estadual para fazer a publicação.
Ontem pela manhã, enquanto esta página estava sendo finalizada, os estudantes do Purcina faziam uma visita técnica à Folha da Região. O objetivo é estimulá-los ainda mais a prosseguir no projeto daquele jornal escolar.

Durante sua fala aos estudantes, a coordenadora do Ler para Crescer, a jornalista Ayne Regina Gonçalves Salviano, fez questão de ressaltar a abertura de espaços nos veículos da empresa de comunicação para participação do público.

Nenhum comentário:

Postar um comentário