segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Ensino no Brasil avança em ritmo mais acelerado do que média mundial


Ministro da Educação, Fernando Haddad 
Por Daniel Mello


O ministro da Educação, Fernando Haddad, disse na última sexta-feira (30) que o ensino brasileiro ainda tem muitas deficiências, mas ressaltou que as mudanças no sentido de melhorar o cenário ocorrem em ritmo maior do que a média mundial. "Todos os relatórios internacionais que foram divulgados em 2010 dão conta de que o Brasil foi o país que mais ampliou a escolaridade média do trabalhador. Na faixa etária de 18 a 24 anos nós estamos ampliando a escolaridade média em um ano a cada cinco, nenhum país consegue fazer isso. A média mundial é um ano a cada dez", disse após participar de um debate sobre o tema.

MELHORIAS
Segundo Haddad, inclusive há uma percepção internacional sobre os avanços que é significativamente mais otimista do que a visão brasileira sobre as melhorias do sistema educacional. "Se você pegar os relatórios internacionais, você vai ver um painel muito diferente do que você vê aqui. Avaliações muito mais otimistas fora em relação ao Brasil", disse.

O ministro destacou ainda a necessidade de aumentar os investimentos na área para que o país possa sustentar o ritmo de desenvolvimento alcançado nos últimos anos. "A educação vai ter que receber uma maior atenção daqui para a frente e as políticas públicas têm que avançar no sentido de melhorar o financiamento", assinalou.


Imagem: Wilson Dias/Agência Brasil
Fonte: http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2011-09-30/ensino-no-brasil-avanca-em-ritmo-mais-acelerado-do-que-media-mundial-diz-haddad

Nenhum comentário:

Postar um comentário