quarta-feira, 17 de agosto de 2011

Literatura ao vivo nas escolas

Por Hélio Consolaro

Em setembro, teremos a 3.ª Semana da Literatura de Araçatuba, quando serão entregues os prêmios do 24.º Concurso Internacional de Contos Cidade de Araçatuba.

No dia 13, terça-feira, à noite teremos a presença de Marcelino Freire, nome da nova geração de escritores, convidado do Sesc. Certamente, o tema de seu bate-papo com os presentes no auditório do Senac será o microconto. À tarde, estará coordenando uma oficina no Unicolégio.
No dia 14, quarta-feira, à noite, Menalton Braff falará sobre as “Ciladas da literatura infantojuvenil”. Romancista brasileiro que já recebeu o Prêmio Jabuti.


No dia 15, quinta-feira, à noite, Galeno Amorim, escritor, conhecido como o “Missionário do livro”, atual presidente da Fundação Nacional do Livro vai nos contar como a FBN já colaborou com a literatura brasileira nos seus dois séculos de existência.

No dia 16, sexta-feira, à noite, Ayrton Salvanini, nascido em Araçatuba, virá de São Paulo para apresentar a performance “Semana de Arte Moderna de 1922”, focalizando os poetas Oswald de Andrade, Mário de Andrade e Manuel Bandeira. Tendo no palco pinturas de Anita Malfatti, Tarsila do Amaral e Di Cavalcanti.

No dia 17, sábado, à noite, após a missa, na Catedral N. S. Aparecida, o mesmo Ayrton Salvanini nos brindará com o “Sermão da Sexagésima”.

Porém, mais importante do que isso, de 02 a 12 de setembro, escritores de Araçatuba e região estarão nas escolas de Araçatuba (ensino médio) para ter contato direto com os alunos. Escritores que já confirmaram participação: José Hamilton, Ana Almeida, Wanilda Borghi, Marianice Paupitz, Hélio Consolaro, Emília Goulart, Antônio Luceni, Maria Rosa Dias, Anna Himmel, Yara Pedro, Marilurdes Campezi, Dr. Glenn Wood, Cidinha Baracat, Marly Garcia, Mariluci Gomes, Tharso José Ferreira. As inscrições para escritores e escolas continuam até 31 de agosto.

Na Semana da Literatura, haverá noites de autógrafos e feira do livro da Editora Senac, além do polvo poético. Literatura ao vivo fica mais interessante.
Realização da Prefeitura de Araçatuba, com parceria do Sesc, Senac, Livraria Nobel, Raízen, Academia Araçatubense de Letras e União Brasileira de Escritores.

Faltou acento gráfico
A palavra “hóspedes” é proparoxítona, por isso devia ter acento na sílaba “hós-“. Todas as proparoxítonas (antepenúltima sílaba forte) são obrigatoriamente acentuadas.


PALAVRA DA SEMANA
Prontidão (Pron-ti-dão)
Recentemente, com a morte precoce da cantora Amy Winehouse, falou-se muito na “maldição dos 27 anos”, já que, além de Amy, alguns ícones da música faleceram com a mesma idade, como Kurt Cobain, Jimi Hendrix e Janis Joplin, por exemplo. Um jovem músico brasileiro nascido em 1910 faleceu devido à tuberculose em 1937, quando completaria 27 anos. Este foi Noel Rosa, um dos ícones do samba. Na canção “Filosofia”, Noel trata a sociedade da época, criticando a aristocracia e em contrapartida fazendo referência aos sambistas, considerados “vagabundos”. “Nesta prontidão sem fim/vou fingindo que sou rico/ pra ninguém zombar de mim”?(Filosofia, Noel Rosa). No trecho, o termo prontidão designa o estado de estar pronto para realizar algo, mas isso não significa necessariamente que algo vá acontecer. A expressão “prontidão sem fim” remete a uma longa espera.

Prontidão: substantivo feminino. Estar de prontidão significa medida de segurança, pela qual a tropa é mantida nos respectivos quartéis, pronta para entrar em ação, se necessário.


Teste da Semana
(Resposta)
Qual a diferença entre “câmera” e “câmara”?
Resposta: nenhuma. As duas formas vieram do latim. Câmera primeiro passou pelo inglês. “Camera” sem acento é palavra inglesa que significa câmara. Como importamos equipamentos, e, por conseguinte as palavras, usamos “câmera” mais para equipamentos fotográficos.


Teste da Semana
(Pergunta)
Qual a diferença entre “peão” e “pião”?

Nenhum comentário:

Postar um comentário