sexta-feira, 15 de julho de 2011

Estado vai oferecer ensino médio com formação técnica

Por Sérgio Teixeira
 


Alunos da rede estadual de ensino poderão cursar o ensino médio e ter uma formação técnica simultaneamente. O modelo foi anunciado esta semana pelo Governo do Estado de São Paulo para ser implantado, a partir de outubro deste ano, nos 155 municípios paulistas com mais de 40 mil habitantes, sendo Araçatuba, Birigui, Penápolis e Andradina as cidades da região que preenchem este perfil.

A ação faz parte do programa Rede Ensino Médio Técnico, que articulará a rede estadual ao ensino técnico. A iniciativa é da Secretaria de Estado da Educação em parceria com o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo e com o Centro Estadual de Educação Tecnológica Paula Souza, além de outras instituições de ensino técnico que serão credenciadas mediante chamada pública a ser iniciada nesta semana.


Para este semestre, serão ofertadas 30 mil vagas em todo o Estado, com investimento previsto de R$ 60 milhões. Os alunos matriculados na 2ª série do ensino médio das escolas estaduais deverão se inscrever em uma das instituições credenciadas, entre os dias 23 de agosto e 4 de setembro. Caso o número de inscritos supere o de vagas, os estudantes serão selecionados por sorteio.

No próximo ano, o governo pretende iniciar a modalidade integrada do programa, cuja formação básica e o ensino técnico serão oferecidos em um único espaço. Poderão concorrer às vagas alunos matriculados na 1ª série do ensino médio das escolas estaduais selecionadas.

O número de vagas por município ainda não foi divulgado, mas a previsão é que sejam oferecidas cerca de 100 mil vagas, em 2012. "Além de promover a inserção dos jovens no mercado de trabalho, essa integração melhora o desempenho dos alunos no ensino médio", ressalta Laura Laganá, diretora-superintendente do Centro Paula Souza.

"Os estudantes passam a dedicar mais tempo aos estudos e criam uma intimidade maior com a aquisição de conhecimento, na medida em que transportam aquilo que aprendem em sala de aula para o universo de uma profissão", completa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário