segunda-feira, 6 de junho de 2011

USP aprova mudanças no vestibular da Fuvest de 2012‎

Eliete Viana - Agência USP


Em reunião realizada no dia 2 de junho, o Conselho de Graduação (CoG) da USP aprovou um pacote de cinco mudanças no vestibular da Fundação Universitária para o Vestibular (Fuvest), que passam a valer já para o exame de 2012.

A partir do próximo vestibular, a nota da primeira fase passa a ter o mesmo peso das provas da segunda fase e volta a compor a nota final do candidato, o que, segundo a Pró-reitora de Graduação, Telma Maria Tenório Zorn, tornará possível a avaliação do aluno em seu conjunto de habilidades.

A segunda mudança diz respeito à diminuição do número de 20 para 16 questões da prova do segundo dia da segunda fase, composta por questões multidisciplinares. Além disso, o índice para a convocação de candidatos para a segunda fase passa a ser variável, de três candidatos por vaga para dois a três, o chamado índice k, que será definido de acordo com a média da nota dos candidatos nas variadas carreiras.
A nota mínima de corte também sofrerá alteração, passando de 22 para 27 pontos. A partir de 2012, o candidato também poderá ter a oportunidade da reescolha da opção de carreira após a terceira chamada.

Segundo a pró-reitora, essas mudanças não mexem com a estrutura do vestibular. “É importante enfatizar que o formato das questões não foi mudado. Não houve mudanças estruturais, o que, na prática, não afetará a maneira de o candidato se preparar para a prova. O objetivo principal é melhorar a qualidade da seleção dos alunos que entram na Universidade”, afirma a Pró-reitora.

Além destas mudanças, também entrarão em vigor no próximo vestibular as alterações no Programa de Inclusão Social da USP (Inclusp) aprovadas no dia 31 de março, que aumentou para 15% os bônus para alunos oriundos da escola pública. A partir de agora, o Programa de Avaliação Seriada (Pasusp), uma das ações do Inclusp, vai proporcionar bônus de até 15% aos estudantes que cursaram o ensino fundamental em escola pública e que estejam matriculados no segundo ou terceiro ano do ensino médio também em escola pública.

No mês de março, o Conselho de Graduação aprovou também a criação de uma autenticação de informações dos candidatos do vestibular para evitar que os estudantes sem o ensino médio completo e que se inscrevam na categoria geral, e não a de treineiros – a carreira destinada para estes estudantes, sejam convocados nas listas de chamadas.
As inscrições para o Vestibular da Fuvest vão de 26 de agosto a 9 de setembro, exclusivamente pela internet. A primeira fase será realizada em 27 de novembro. A segunda fase está marcada para os dias 8, 9 e 10 de janeiro de 2012.

Nenhum comentário:

Postar um comentário