segunda-feira, 23 de maio de 2011

Abuso sexual: diminuição não é tendência

 Por Sérgio Teixeira

Comparando o total de casos de violência sexual praticada contra crianças e adolescentes, houve queda de 57% no número de notificações, de 77, em 2009, para 33, em 2010. No entanto, a coordenadora do Creas, Mirela Regina Genaro, não associa esta diminuição como uma tendência. Para ela, a consciência da comunidade em reportar os casos aos órgãos competentes é o fator predominante.

"A gente percebe que, quando chega perto da Campanha de Combate à Violência Sexual contra Crianças, e os meios de comunicação divulgam e o Creas intensifica o trabalho nas escolas e comunidade, as denúncias aumentam, mas não porque ocorrem mais casos, mas porque as pessoas se sensibilizam em denunciar", explica Mirela.

Até maio deste ano, por exemplo, o Creas teve 52 entradas de casos de violência, quase superando o total de 60 notificações registradas em 2010. Se os números se mantiverem nesta proporção, é possível que as estatísticas do final do ano mostrem um período mais violento do que em anos anteriores. 

As denúncias de violência contra crianças e adolescentes podem ser feitas pelos telefones 100, 197 ou (18) 3608-8499.

Nenhum comentário:

Postar um comentário