terça-feira, 19 de abril de 2011

Escolas devem produzir jornais sobre a liberdade de imprensa

Escolas e outros tipos de ambientes educativos ligados ao Programa Ler para Crescer da Folha da Região podem se inscrever para participar do concurso da WAN (World Association of Newspapers) sobre liberdade de imprensa, que está sendo promovido pelo Programa Jornal e Educação da ANJ (Associação Nacional de Jornais). O prêmio é de R$ 3 mil.

O objetivo é estimular o debate a respeito do tema e mostrar a importância da imprensa livre para a democracia de um país. Os participantes devem produzir um jornal acerca do assunto. Os interessados contarão com o apoio de jornalistas da Folha para palestras e orientações específicas. As inscrições, com envio dos jornais, podem ser feitas até o dia 31 de maio pelo Ler para Crescer.


PREMIAÇÃO
O prêmio para o melhor jornal deverá ser destinado à escola que desenvolveu o impresso para que possa produzir outro(s) jornal (is) ao longo do ano letivo. Os vencedores também receberão um certificado de entidades internacionais e nacionais. Em Brasília, participarão da escolha do melhor jornal uma comissão da ANJ e dois professores da UnB (Universidade de Brasília) dos cursos de Comunicação e Educação.

“As escolas ligadas ao Programa Ler para Crescer, que tiveram professores participando de capacitações desde o ano passado, têm condições de participar e vencer. As coordenadoras e professoras que se interessarem podem solicitar nossa presença na escola para palestras e oficinas com os estudantes que ajudaremos a criar e desenvolver o trabalho”, explicou a jornalista Ayne Regina Gonçalves Salviano, coordenadora do programa.

O concurso da WAN é aberto para estudantes de todas as séries. Eles podem produzir textos verbais e não-verbais, informativos e opinativos. “O importante é que o jornal deve ser publicado e circular na escola e em outros meios que os organizadores desejarem”, esclareceu Ayne.

Nenhum comentário:

Postar um comentário